– desimerda-te! diz o o cortex orbifrontal

É 6ªf, são 18h e o meu chefe disse-me “desimerda-te” e foi-se embora.

Ora bem, eu até me desimerdo muito bem, no problem.

A questão não é essa! A questão é que olhei para ele e pareceu-me ver-lhe o cortex orbifrontal a latejar. Fiquei a pensar que sim, que tinha ali mesmo à minha frente uma daquelas criaturas que perante uma situação algo stressante, convenhamos, “fight or flight”. Ora o meu chefe, na sua qualidade de homem, está bom de ver, bazou. Eu, na minha qualidade de subordinada, fui logo ver-me ao espelho para ver se o meu cortex orbifrontal também estaria naqueles preparos mas não, estava sereno e quase não se dava por ele. Voltei para o local onde era suposto ficar a desimerdar-me e resolvi escrever este post só para que conste, que o meu sistema límbico não se atrapalha e, além de me ajudar a desimerdar, ainda me ajuda a produzir uma prosa destas e que se resume nisto: neurologicamente falando, não é só o cérebro de meu chefe e o meu que funcionam de maneira diferente, são os homens e as mulheres.

Pode ver aqui uma explicaçãozita que eu vou mas é ouvir esta para ver se me desimerdo de vez!

PS: … dava-me muito jeito que alguém inventasse uma nano máquina, portátil, para fazer fMRIs! Se alguém souber, avise-me please, que o meu chefe gostava.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s